Procedimentos em Implantes Dentários

Procedimentos em Implantes Dentários Fonte da imagem: Inspire odontologia

Como se inserem os implantes?

Os procedimentos em implantes dentários são executados no consultório do dentista ou às vezes no centro cirúrgico de um hospital. Normalmente, a anestesia local é a mais adequada para este tipo de procedimento ambulatório, mas várias outras formas de sedação podem ser utilizadas como óxido de nitrogênio ou sedação oral venosa. Procedimentos cirúrgicos complementares tais como aumento de osso podem ser executados em separado ou ao mesmo tempo em que os implantes são inseridos. Cada tratamento é único e depende da situação clínica e das preferências do paciente e do cirurgião.

Por que o procedimento cirúrgico tem várias etapas?

O método mais comum de inserir implantes dentários é um procedimento ‘estagiado’. No primeiro passo o implante que substitui a raiz do dente natural é inserido na altura do osso, mas debaixo da gengiva, o que o protege durante a cicatrização assim promovendo a ósseointegração.

No próximo passo o cirurgião remove uma pequena parte da gengiva, verifica o sucesso da integração e conecta um poste que penetra pela gengiva. Este poste, conhecido como abutment pode ser pré-fabricado ou feito sob medida em um laboratório. A gengiva se cicatriza ao redor do abutment pelo qual o dentista terá acesso ao implante no passo final que é o passo restaurativo quando o dente protético é colocado.

As pesquisas já mostraram que frequentemente é possível colocar um abutment junto com o implante, o que elimina o segundo passo cirúrgico, mas o implante ainda requer tempo suficiente para cicatrizar e se integrar ao osso.

O abutment também precisa ser protegido das forças de mastigação durante este período para garantir o sucesso da cicatrização e integração. Somente quando o sucesso da integração for testado e verificado o dentista poderá seguir ao ultimo passo, a conexão do dente protético ao implante.

O que é a cirurgia de uma etapa?

Neste método é usado um implante de uma única peça com um colar metálico que penetra pela gengiva durante o processo de integração. Após o período de cicatrização um abutment pode ser conectado ao implante o que permite a fabricação da coroa protética que substitui o dente perdido. A técnica de uma etapa também pode ser executada pela conexão imediata de um abutment temporário à um implante de duas peças e que penetra pela gengiva da mesma forma que o implante de uma peça. Ambos os procedimentos tem taxas de sucesso semelhantes. O paciente deverá perguntar ao seu dentista qual delas será o mais apropriado para o seu caso.

Qual é a taxa de sucesso global dos implantes dentários?

Apesar de décadas de pesquisas clínicas e científicas, a taxa de sucesso dos implantes dentários não chegou a 100%, mas as taxas melhoraram significantemente desde a introdução do tratamento, e hoje a profissão pode relatar com certo orgulho taxas de sucesso de 90% na maioria dos pacientes. As taxas de sucesso a longo prazo também atingiram 90% e continuam melhorando. Se não houver ósseo-integração a remoção do implante provavelmente seria necessária. Um implante de reposição poderia ser inserido, mas pode requerer alguns meses de cicatrização e até o aumento do osso por meios de enxerto. Do mesmo modo, se um implante previamente inserido perde quantidades significativas do osso que o apoia após funcionar na boca do paciente, atualmente não existem tratamentos previsíveis que podem restaurar o osso.

Quanto tempo é preciso para a cicatrização de implantes?

O tempo de cicatrização de implantes depende da qualidade do osso do paciente e em casos que requerem procedimentos complementares é frequentemente mais longo. Geralmente, se o implante é protegido das forças de mastigação, a cicatrização do osso requer de dois a quatro meses.

Pesquisas sobre os mecanismos de integração de titânio ao osso contribuíram para melhorar o processo de cicatrização ao ponto de alguns fabricantes anunciarem que os seus produtos requerem um período de cicatrização bastante reduzido e nos últimos anos demonstraram que, em certas circunstancias controladas, o dentista poderá ‘carregar’ os implantes imediatamente, ou seja, poderá conectar os dentes protéticos no mesmo dia em que insere os implantes. Este processo se torna cada vez mais comum, mas na maioria dos casos um período de cicatrização de dois a quatro meses é necessário antes de finalizar a restauração protética.

Como cuidar dos implantes

Higiene oral

A função contínua e a boa saúde dos seus implantes dependem dos cuidados apropriados. Diferente dos dentes naturais eles não sofrem de cavidades, mas a inflamação da gengiva e até infecção e perda de osso podem ocorrer sem a manutenção correta. A inflamação ao redor de dentes naturais é conhecida como doença periodontal, e o processo parecido ao redor dos implantes como peri-implantite. O seu dentista deve rever com você as técnicas que mantem os seus implantes limpos e o tecido ao redor deles saudável, mas em primeiro lugar a escovação e o uso de fio dental são obrigatórios. O dentista também pode mostrar-lhe outras ferramentas que ajudam a manter os seus dentes e implantes limpos e saudáveis.

Revisão

Os seus ‘dentes novos’ requerem uma revisão periódica por seu dentista para verificar a manutenção e saúde da gengiva e do osso, inclusive uma radiografia para medir o nível de osso ao redor dos implantes. É também preciso examinar as coroas protéticas e verificar que são seguras e estão funcionando corretamente.

Às vezes folga o parafuso que conecta o dente prostético ao implante em si ou ao abutment. Normalmente é preciso apenas remover a prótese, limpá-la e apertar ou substituir o parafuso. Do mesmo modo, se o dente protético for cimentado ao implante eventualmente pode se soltar, e neste caso será necessário remove-lo e verificar que ele se encaixa corretamente. Estas complicações são pequenas, mas não deveriam ser ignoradas. Deixar no lugar uma prótese que não seja conectada corretamente pode levar a problemas mais significativos.


< Introdução aos implantes dentários Procedimentos Complementares >